Arquivo de artigos

Hermilo Grave - Montanha Chorona

11-04-2010 22:41
 Montanha Chorona Com voz timbrada e aspecto feliz, Diz á sua fi lhinha a jovem mamã: - “ Ouve, Mailys, Se fi zer sol, amanhã, Vamos fazer um piquenique, Num lugar chique, No meio de uma mata Muito bonita. Logo pela manhã, Temos de ir embora. Tu sabes? È onde há uma cascata…” Responde a...

Bia do Táxi - Refl exão

11-04-2010 22:40
 Refl exão O que vejo eu ao longe? A minha capacidade de amar? Seja sempre ontem ou hoje Esta minha vontade de gritar Onde está a Esperança? Onde está a Realidade? No sorriso de uma criança? Ou naquilo que é a verdade? Bia do Táxi

Piedade Vaz - O Fado

11-04-2010 22:39
 O Fado Silencio é noite de fado Noite que fi ca diferente Com a guitarra a seu lado Gemidos da nossa gente Os dedos são um mistério Na guitarra que dedilha Canta-se um fado a sério À luz da vela que brilha Os nossos olhos fechados Para o fado escutar Sendo a saudade a falar Deste Portugal que...

Manuel Afonso - O Meu Jardim

11-04-2010 22:38
 O Meu Jardim Neste jardim plantado No quintal da minha vida Os anos foram passando Entre sonhos e alegrias, O amor foi fi cando, Nascem fl ores todos os dias. Com amor plantei As rosas do meu jardim Com amor fi z crescer A fl or da minha vida, O cravo mais desejado, Que plantei com a minha...

José Francisco Santos Bento - A Santa

11-04-2010 22:34
A Santa Que Mais Respeito Posto naquela moldura Esse retrato bem feito Aquela alma tão pura A Santa que eu mais respeito Das santas que o mundo tem É esta a Santa mais pura O rosto da minha mãe Posto naquela moldura A Santa que nunca esqueço Tanto por mim tem feito É por isso que eu mereço Esse...

Euclides Cavaco - Balada de Outono

11-04-2010 22:34
 Balada de Outono Impiedoso Setembro … Traz a balada de Outono Que muda na folha as cores Seduz e despe as fl ores Num sestro de abandono... Em toada persistente As folhas , essas coitadas Vão caindo lentamente Das árvores amarguradas Ao fi carem desnudadas De cada folha cadente... Será que...

Octávia Correia - Deixa-me Dizer

11-04-2010 22:33
 Deixa-me Dizer Escuta-me! E deixa-me murmurar Guarda a forma das palavras Deixa-me dizer, Que não há guerra, Que não há fome Que há paz, E que o silêncio encerra Tudo o que te consome. Eu não oiço enfi m… Serei feliz? Eu sei, eu sei… Hoje há poesia até ao fi m. Octávia Correia

Domingos Pereira - Luz da vida

11-04-2010 22:32
Luz da vida A luz ilumina com seu rosto O caminho da vida que amamos Às vezes a luz quebra, que nefasto A vida que sempre adoramos Luz da vida esplendorosa Luz do caminho que encontramos Vida sem luz, não é amorosa Não é a vida que desejamos Um raio de luz, é raio de vida Que a natureza nos...

Emília Mezia - Mensagem

11-04-2010 22:31
 Mensagem Esta força Misteriosa…enche-me de coragem! Uma força que me encaminha para todo o Universo! Foi a mão carinhosa do meu Deus e Senhor. Que a plantou dentro de mim! As forças do corpo que me importam? Se as da alma não forem muito mais forte! Que me importam as forças dos músculos Se...

Manuela Lourenço - Imensa Saudade

11-04-2010 22:29
 Imensa Saudade Esta saudade imensa Que em mim se acomodou Momentos em que é tão intensa Fico á beira da demência Quase sem saber quem sou. Tem o salgado do mar Tem o escuro da noite Sem luar… Tem o frio gelado da tempestade É forte, é cruel, É amarga como fel… esta saudade. Mas… vem a...
Itens: 21 - 30 de 70
<< 1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>